Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/92348
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorSaldanha, Sandra Costa-
dc.date.accessioned2020-12-29T19:28:27Z-
dc.date.available2020-12-29T19:28:27Z-
dc.date.issued2014-06-
dc.identifier.issn2182-908Xpt
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10316/92348-
dc.description.abstractMotivado pelo conhecimento de uma planta onde se propõe, em 1791, a abertura de uma praça fronteira ao convento do Santíssimo Coração de Jesus à Estrela, o presente estudo visa avaliar a sua importância e impacto urbano. Projecto que contemplava a reordenação do espaço e o alargamento da área edificada para nascente, previa um imponente coroamento para a nova praça, à maneira do planeamento da cidade barroca, pontuado ao centro pela fachada da igreja. O complexo conventual funcionava, assim, como organismo de forte impacto e elemento polarizador daquele núcleo urbano. Ampliando o efeito já por si retórico da arquitectura, mas favorecendo também a contemplação do mais emblemático empreendimento do reinado de D. Maria I, o projecto assume-se de particular relevância, mormente no quadro da arquitectura conventual carmelita. Solução reguladora do espaço, cenográfica e monumental, a circunstância de prever também a abertura de uma grande praça(e com isso o total isolamento do complexo), clarifica quanto à vontade de implementar ali um polo ativo de urbanização. Oferecendo uma nova razão de ser ao conjunto, a intencionalidade subjacente a este projeto amplia, por outro lado, o seu próprio alcance e significado. Com efeito, a praça idealizada desenha-se aqui como um novo centro de poder, ancorado numa encomenda de Corte. Claramente à margem da grande empresa pombalina, não se resumia à edificação de mais um cenóbio para carmelitas descalças, mas fixava, em definitivo, um símbolo inequívoco e marco do desenvolvimento da cidade mariana.pt
dc.language.isoporpt
dc.publisherCentro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbrapt
dc.rightsopenAccesspt
dc.titleUma ‘Nova e Real Praça’ para o convento do Coração de Jesus à Estrela: projecto urbano da Lisboa marianapt
dc.typearticle-
degois.publication.firstPage82pt
degois.publication.lastPage95pt
degois.publication.issue6pt
degois.publication.locationCoimbrapt
degois.publication.titleCescontexto - Monastic architecture and the citypt
dc.relation.publisherversionhttps://www.ces.uc.pt/publicacoes/cescontexto/index.php?id=10019pt
dc.peerreviewedyespt
dc.date.embargo2014-06-01*
uc.date.periodoEmbargo0pt
item.languageiso639-1pt-
item.fulltextCom Texto completo-
item.grantfulltextopen-
crisitem.author.deptFaculty of Arts and Humanities-
crisitem.author.researchunitCEAACP - Center for Studies in Archeology, Arts and Heritage-
crisitem.author.orcid0000-0001-5594-3581-
Appears in Collections:FLUC Secção de Artes - Artigos em Revistas Nacionais
Files in This Item:
File Description SizeFormat
2014 - Real Praça da Estrela.pdf597.23 kBAdobe PDFView/Open
Show simple item record

Page view(s)

11
checked on Jul 29, 2021

Download(s)

17
checked on Jul 29, 2021

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.