Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/79833
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorVieira, Marco-
dc.contributor.authorSilva, Nuno Pedro de Jesus-
dc.date.accessioned2018-06-21T09:51:31Z-
dc.date.available2018-06-21T09:51:31Z-
dc.date.issued2018-04-02-
dc.identifier.citationSILVA, Nuno Pedro de Jesus - An empirical approach to improve the quality and dependability of critical systems engineering. Coimbra : [s.n.], 2018. Tese de doutoramento. Disponível na WWW: http://hdl.handle.net/10316/79833-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10316/79833-
dc.descriptionTese de doutoramento em Ciências e Tecnologias da Informação, apresentada ao Departamento de Engenharia Informática da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbrapt
dc.description.abstractCritical systems, such as space, railways and avionics systems, are developed under strict requirements envisaging high integrity in accordance to specific standards. For such software systems, generally an independent assessment is put into effect (as a safety assessment or in the form of Independent Software Verification and Validation - ISVV) after the regular development lifecycle and V&V activities, aiming at identifying and correcting residual faults and raising confidence in the software. These systems are very sensitive to failures (they might cause severe impacts), and even if they are today reaching very low failure rates, there is always a need to guarantee higher quality and dependability levels. However, it has been observed that there are still a significant number of defects remaining at the latest lifecycle phases, questioning the effectiveness of the previous engineering processes and V&V techniques. This thesis proposes an empirical approach to identify the nature of defects (quality, dependability, safety gaps) and, based on that knowledge, to provide support to improve critical systems engineering. The work is based on knowledge about safety critical systems and how they are specified/developed/validated (standards, processes and techniques, resources, lifecycles, technologies, etc.). Improvements are obtained from an orthogonal classification and further analysis of issues collected from real systems at all lifecycle phases. Such historical data (issues) have been studied, classified and clustered according to different properties and taking into account the issue introduction phase, the involved techniques, the applicable standards, and particularly the root causes. The identified improvements shall be reflected in the development and V&V techniques, on resources training or preparation, and drive standards modifications or adoption. The first and more encompassing contribution of this work is the definition of a defects assessment process that can be used and applied in industry in a simple way and independently from the industrial domain. The process makes use of a dataset collected from existing issues reflecting process deficiencies, and supports the analysis of these data towards identifying the root causes for those problems and defining appropriate measures to avoid them in future systems. As part of the defect assessment process activities, we propose an adaptation of the Orthogonal Defect Classification (ODC) for critical issues. In practice, ODC was used as an initial classification and then it was tuned according to the gaps and difficulties found during the initial stages of our defects classification activities. The refinement was applied on the defect types, triggers and impacts. Improved taxonomies for these three parameters are proposed. A subsequent contribution of our work is the application and integration of a root cause analysis process to show the connection of the defects (or issue groups) with the engineering properties and environment. The engineering properties (e.g. human and technical resources properties, events, processes, methods, tools and standards) are, in fact, the principal input for the classes of root causes. A fishbone root cause analysis was proposed, integrated in the process and applied to the available dataset. A practical contribution of the work comprises the identification of a specific set of root causes and applicable measures to improve the quality of the engineered systems (removal of those causes). These root causes and proposed measures allow the provision of quick and specific feedback to the industrial engineering teams as soon as the defects are analyzed. The list/database has been compiled from the dataset and includes the feedback and contributions from the experts that responded to a process/framework validation survey. The root causes and the associated measures represent a valuable body of knowledge to support future defects assessments. The last key contribution of our work is the promotion of a cultural change to appropriately make use of real defects data (the main input of the process), which shall be appropriately documented and easily collected, cleaned and updated. The regular use of defects data with the application of the proposed defects assessment process will contribute to measure the quality evolutions and the progress of implementation of the corrective actions or improvement measures that are the essential output of the process.pt
dc.description.abstractOs sistemas críticos, tais como os sistemas espaciais, ferroviários ou os sistemas de aviónica, são desenvolvidos sob requisitos estritos que visam atingir alta integridade ao abrigo de normas específicas. Para tais sistemas de software, é geralmente aplicada uma avaliação independente (como uma avaliação de safety ou na forma de uma Verificação e Validação de Software Independente - ISVV) após o ciclo de desenvolvimento e as respetivas atividades de V&V, visando identificar e corrigir falhas residuais e aumentar a confiança no software. Estes sistemas são muito sensíveis a falhas (pois estas podem causar impactos severos), e apesar de atualmente se conseguir atingir taxas de falhas muito baixas, há sempre a necessidade de garantir a maior qualidade dos sistemas e os maiores níveis de confiabilidade. No entanto, observa-se que ainda existe um número significativo de defeitos que permanecem nas últimas fases do ciclo de desenvolvimento, o que nos leva a questionar a eficácia dos processos de engenharia usados e as técnicas de V&V aplicadas. Esta tese propõe uma abordagem empírica para identificar a natureza dos defeitos (de qualidade, confiabilidade, lacunas de safety) e com base nesse conhecimento proporcionar uma melhoria da engenharia de sistemas críticos. O trabalho é baseado em conhecimento sobre os sistemas críticos e na forma como estes são especificados / desenvolvidos / validados (normas, processos e técnicas, recursos, ciclo de vida, tecnologias, etc.). As recomendações de melhorias para os sistemas críticos são obtidas a partir de uma classificação ortogonal e posterior análise de dados de defeitos obtidos de sistemas reais cobrindo todas as fases do ciclo de vida. Estes dados históricos (defeitos) foram estudados, classificados e agrupados de acordo com diferentes propriedades, considerando a fase de introdução do defeito, as técnicas envolvidas, as normas aplicáveis e, em particular, as possíveis causas fundamentais (ou raiz). As melhorias identificadas deverão refletir-se nas técnicas de desenvolvimento / V&V, na formação ou preparação de recursos humanos e orientar alterações ou adoção de normas. A primeira e mais abrangente das contribuições deste trabalho é a definição de um processo de avaliação de defeitos que pode ser usado e aplicado na indústria de forma simples e independente do domínio industrial. O processo proposto baseia-se na disponibilidade de um conjunto de dados de problemas que refletem deficiências de processo de desenvolvimento e suporta a análise desses dados para identificar as suas causas raiz e definir medidas apropriadas para evitá-los em sistemas futuros. Como parte das atividades do processo de avaliação de defeitos, é proposta uma adaptação da Classificação Ortogonal de Defeitos (ODC) para sistemas críticos. Na prática, a ODC foi usada como uma classificação inicial e depois ajustada de acordo com as lacunas e dificuldades encontradas durante os estágios iniciais das atividades de classificação de defeitos. O refinamento foi aplicado aos tipos de defeito, aos eventos que levaram a esses defeitos e aos seus impactos. Neste trabalho, são propostas versões melhoradas das taxonomias para esses três parâmetros. Uma contribuição subsequente é a aplicação e integração de um processo de análise de causas raiz para relacionar os defeitos (ou grupos de problemas) com as propriedades e o ambiente de engenharia. As propriedades de engenharia (por exemplo, recursos humanos e técnicos, eventos, processos, métodos, ferramentas e normas) são, de facto, as principais fontes para a identificação das classes de causas raiz. A análise de causas de raiz proposta é baseada em diagramas fishbone, tendo sido integrada no processo e aplicada ao conjunto de dados disponíveis. Uma contribuição prática do nosso trabalho é a identificação de um conjunto específico de causas raiz e de medidas aplicáveis para melhorar a qualidade dos sistemas de engenharia (eliminação dessas causas). As causas e as medidas propostas permitem um retorno rápido e específico logo que os defeitos são analisados. A lista / base de dados foi compilada a partir do conjunto de dados de defeitos e inclui os comentários e contribuições de especialistas que responderam a um formulário de validação do processo. As causas raiz e as medidas associadas representam um conjunto valioso de conhecimento que pode suportar futuras análises de defeitos. A última contribuição chave do nosso trabalho é a promoção de uma mudança cultural para fazer uso apropriado de dados de defeitos reais (principal fonte do processo), os quais devem ser devidamente documentados e facilmente recolhidos, tratados e atualizados. O uso regular de dados sobre defeitos através da aplicação do processo de análise de defeitos proposto contribuirá para medir a evolução da qualidade e o progresso da implementação das ações corretivas ou medidas de melhoria que são o principal resultado do processo.pt
dc.language.isoengpt
dc.relationinfo:eu-repo/grantAgreement/EC/FP7/324334/EUpt
dc.rightsopenAccesspt
dc.subjectorthogonal defect classificationpt
dc.subjectclassificação ortogonal de defeitospt
dc.subjectcritical systemspt
dc.subjectsistemas críticospt
dc.subjectdefectpt
dc.subjectdefeitopt
dc.subjectclassificationpt
dc.subjectclassificaçãopt
dc.subjectroot cause analysispt
dc.subjectanálise de causaspt
dc.subjectdependabilitypt
dc.subjectconfiabilidadept
dc.subjectfailurept
dc.subjectfalhapt
dc.subjectsafetypt
dc.titleAn Empirical Approach to Improve the Quality and Dependability of Critical Systems Engineeringpt
dc.typedoctoralThesispt
degois.publication.locationCoimbrapt
dc.peerreviewedyespt
dc.date.embargo2018-04-02*
dc.date.periodoembargo0pt
dc.identifier.tid101447540-
thesis.degree.grantor00500::Universidade de Coimbrapt
thesis.degree.nameDoutoramento em Ciências e Tecnologias da Informaçãopt
thesis.degree.grantorUnit0501::Universidade de Coimbra - Faculdade de Ciências e Tecnologia-
uc.rechabilitacaoestrangeiranopt
item.grantfulltextopen-
item.languageiso639-1en-
item.fulltextCom Texto completo-
crisitem.advisor.deptFaculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade de Coimbra-
crisitem.advisor.parentdeptUniversidade de Coimbra-
crisitem.advisor.researchunitCENTRE FOR INFORMATICS AND SYSTEMS OF THE UNIVERSITY OF COIMBRA-
crisitem.advisor.orcid0000-0001-5103-8541-
Appears in Collections:FCTUC Eng.Informática - Teses de Doutoramento
Show simple item record

Page view(s)

82
checked on Sep 10, 2019

Download(s) 50

201
checked on Sep 10, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.