Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/47083
Title: Atitudes face à homossexualidade: uma proposta de avaliação para a intervenção socioeducativa
Other Titles: Attitudes toward homosexuality: an evaluation proposal to a socioeducational intervention
Authors: Carvalho, Cristiana 
Pinheiro, Maria do Rosário 
Martins, Daniela 
Simões, Ana Filipa 
Maceiras, Maria 
Keywords: Homofobia; Gênero; Atitudes; Homophobia; Gender; Attitudes
Issue Date: 1-Aug-2017
Publisher: Universidade Federal de Giás da Regional Jataí
Keywords: Homofobia; Gênero; Atitudes; Homophobia; Gender; Attitudes
Issue Date: 1-Aug-2017
Publisher: Universidade Federal de Giás da Regional Jataí
Project: Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT) - Referência nº SFRH/BD/75130/2010 
Abstract: O preconceito e a discriminação baseada na orientação homossexual ainda persistem nos ambientes sociais, escolares e acadêmicos, pelo que a educação e a formação nessas áreas se justifica. Para intervir é então necessário identificar as atitudes em relação à homossexualidade, o que por sua vez exige que haja instrumentos de avaliação confiáveis. Nesse sentido, os estudos apresentados tiveram como finalidade construir e validar a versão portuguesa da Escala de Atitudes face à Homossexualidade – Versão para estudantes do ensino superior. Participaram 108 estudantes, de ambos os gêneros, da Licenciatura em Ciências da Educação da Universidade de Coimbra. Os resultados da análise da dimensionalidade da escala revelaram uma estrutura tridimensional, composta por três fatores: Atitudes não discriminatórias face à homossexualidade (F1), Atitudes de defesa dos direitos dos homossexuais (F2) e Atitudes de rejeição à proximidade de pessoas homossexuais (F3). A partir de testes estatísticos foi possível identificar diferenças nas atitudes face à homossexualidade em função do gênero, da religião, do contato e da proximidade com amigos/as gays ou lésbicas. Verificou-se, ainda, que as atitudes positivas face à homossexualidade aumentam à medida que aumentam os conhecimentos e crenças funcionais sobre a homossexualidade. Os resultados sugerem que esta escala pode ser útil no diagnóstico de atitudes homofóbicas e na avaliação de intervenções de prevenção da homofobia e de promoção da igualdade, respeito, aceitação e valorização da diversidade no que diz respeito à orientação sexual. São apresentadas e discutidas implicações e sugestões para futuros estudos e intervenções socioeducativas.
Abstract: Prejudice and discrimination based on homosexual orientation still persist in social, school and academic situations. So education and training in these areas is justified. In order to intervene, it is necessary to identify attitudes towards homosexuality, which in turn requires reliable assessment instruments. In this sense, the studies presented had the purpose of constructing and validating the Portuguese version of the Attitudes Scale toward Homosexuality - Version for students of higher education for the Portuguese population. Participants included 108 students of both genders, students of the Degree in Educational Sciences of the University of Coimbra. The results of the dimensionality analysis of the scale, based on 24 items, revealed a three-dimensional structure, composed by three factors: Non-discriminatory attitudes towards homosexuality (F1), Attitudes of defence of the rights of homosexuals (F2) and Attitudes of rejection in the proximity of homosexual people (F3). From statistical tests it was possible to identify differences in attitudes about homosexuality according to gender, religion, contact and proximity to gay or lesbian friends. It was also found that positive attitudes towards homosexuality increase as knowledge and functional beliefs about homosexuality increase. The results suggest that this scale can be useful in the diagnosis of homophobic attitudes and in the evaluation of interventions that prevent homophobia and promote equality, respect, acceptance and appreciation of diversity with regard to sexual orientation. Implications and suggestions for future studies and socioeducational interventions are presented and discussed.
URI: http://hdl.handle.net/10316/47083
ISSN: 1807-9342
DOI: 10.5216/rir.v13i2.47495
Rights: openAccess
Appears in Collections:I&D CINEICC - Artigos em Revistas Internacionais

Files in This Item:
File Description SizeFormat
2 - Atitudes face à Homossexualidade - Revista Itinerariuns.pdf670.33 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 5

1,554
checked on Aug 13, 2019

Download(s) 50

415
checked on Aug 13, 2019

Google ScholarTM

Check

Altmetric

Altmetric


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons