Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/43172
Title: Resposta dada pela frequência cardíaca em jogo de treino e em diferentes jogos reduzidos no hóquei em patins
Authors: Almeida, Renato Bruno Garrido Carvalho de 
Orientador: Vaz, Vasco Parreiral Simões
Santos, Amândio Manuel Cupido dos
Keywords: Hóquei em patins; Frequência cardíaca
Issue Date: 2016
Abstract: O objetivo do presente estudo foi perceber a associação, da frequência cardíaca, entre os exercícios usados no treino de hóquei em patins e o contexto formal do jogo. A amostra foi constituída por 8 atletas com idades compreendidas entre os 18 e os 20, e em que todos eles apresentaram mais de 10 anos de prática desportiva. Foram avaliados alguns indicadores de tamanho corporal, assim como a frequência cardíaca nos diferentes momentos (exercício e jogo formal) e ainda a aplicação da escala de percepção do esforço em cada momento. A frequência cardíaca máxima foi obtida a partir de uma equação proposta na população norueguesa. Os exercícios de 3x3+GR que incorporam o guarda-redes, parecem ser aqueles que mais se aproximam da frequência cardíaca média do jogo (entre os 155 e 160 b.min-1). As associações para o jogo formal em situação de treino foram elevadas em exercícios de jogos reduzidos 3x3+GR (1ªrecolha: p (rho) =0,738; 2ªrecolha: p (rho) =0,810). Em média o jogo de hóquei em patins foi praticado a 155 b.min-1, o que corresponde a 79% da frequência cardíaca máxima. O presente estudo concluiu que existe, cada vez mais, a necessidade de aproximar, o máximo possível, o treino desportivo às características do jogo, uma vez que foram averiguados valores de frequência cardíaca similares. Os exercícios de 2x2+GR apresentaram uma fraca associação com o jogo de hóquei, pelo que existe a necessidade de considerar outras variáveis que podem determinar a intensidade do esforço (dimensões do terreno ou tempos de repouso). The study was aimed to verify the relationship, on heart rate, between rollerhockey exercises and competitive game context. 8 athletes, aged 18-20 years old, formed the present sample, and everyone presented more than 10 years of sport practice. Were evaluated some size descriptors, as the heart rate in exercise and game circumstances and also the implementation of the rating of perceived exertion in all times. Maximal heart rate was calculated based on a previous equation developed in Norwich people. The exercises of 3x3 with goalkeeper, those incorporated the goalkeeper, appeared to be similar with the heart rate estimated on game environment (ranged on 155 and1 60 b.min-1). The associations with game were high in 3x3 exercises with goalkeeper (1st test: p (rho) =0,738; 2nd test: p (rho) =0,810). Roller hockey was practiced, in mean, at 155 b.min-1, that corresponded at 79% of maximal heart rate. The present study concluded that, there is a necessity to approximate training process of game demands, once was found similar heart rate values. 2x2 exercises, with goalkeeper, presented a poor association with game process, even if there are other variables that can define the intensity of exercise e.g.: field dimensions and recovery periods.
Description: Dissertação de mestrado em Treino Desportivo para Crianças e Jovens, apresentada à Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/43172
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCDEF - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
TESE_RENATO_GARRIDO.pdf392.27 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

183
checked on Sep 17, 2019

Download(s) 50

206
checked on Sep 17, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.