Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/29995
Title: Políticas de Preservação Digital: estruturação e características
Authors: Silva Júnior, Laerte 
Borges, Maria Manuel 
Keywords: Preservação digital
Issue Date: 2015
Publisher: Universidad Complutense de Madrid
Serial title, monograph or event: Desafíos y oportunidades de las Ciencias de la Información y la Documentación en la era digital: actas del VII Encuentro Ibérico EDICIC 2015, Madrid, 16 y 17 de noviembre de 2015
Place of publication or event: Madrid
Abstract: A preservação digital é um problema de pesquisa estudado há décadas. Várias tecnologias foram desenvolvidas para evitar a perda do material digital produzido pelas instituições. Apesar disso, uma grande parte das instituições não tem uma cultura de preservação consolidada. Por essa razão, diversos projetos de abrangência internacional orientam o planejamento, a implementação e a caracterização de uma política de preservação digital, como o Joint Information Systems Committee (JISC), Scalable Preservation Environments (SCAPE), International Research on Permanent Authentic Records in Electronic Systems (InterPARES), dentre outros. O desenvolvimento de um programa de preservação digital assenta na estruturação de uma política de preservação digital, uma vez que a tecnologia por si só não é suficiente para assegurar o acesso a longo prazo dos objetos digitais produzidos pelas instituições culturais, acadêmicas e de pesquisa. Este trabalho tem por objetivo o de apresentar os modelos de uma política de preservação digital a partir das propostas apoiadas pelo JISC, SCAPE e InterPARES, incluindo a identificação das suas características comuns e/ou complementares. Os procedimentos metodológicos adotados para a realização deste estudo basearam-se na revisão da literatura sobre políticas de preservação digital e no levantamento dos modelos de políticas de preservação digital em projetos disponíveis na World Wide Web. Os resultados preliminares desta pesquisa apontam uma certa complementaridade entre os estudos, com exceção do DOAR. O modelo de política apoiado pelo JIISC e pelo InterPARES focalizam-se no desenvolvimento de uma política em um nível superior ao da implementação, ou seja, um nível onde a política está em consonância com as metas e objetivos de uma instituição. Esse nível de política é o que vai dar sustentação às políticas de implementação de um programa de preservação digital. O SCAPE define os elementos de política que delineiam os procedimentos de implementação de um programa de preservação digital.
URI: http://hdl.handle.net/10316/29995
ISBN: 978-84-608-3330-7
Rights: openAccess
Appears in Collections:FLUC Secção de Informação - Artigos em Livros de Actas
I&D CEIS20 - Artigos e Resumos em Livros de Actas

Files in This Item:
File Description SizeFormat
politicas preservacao digital.pdf274.63 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

390
checked on Jun 3, 2020

Download(s)

190
checked on Jun 3, 2020

Google ScholarTM

Check

Altmetric


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.