Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/28657
Title: Estudo da qualidade de vida, do padrão imunológico e do padrão nutricional em idosos ativos e sedentários da cidade do Funchal
Authors: Melro, Filipa de Carvalho 
Orientador: Ferreira, José Pedro Leitão
Keywords: Qualidade de vida; Idosos--Funchal; Actividade física; Envelhecimento
Issue Date: 2014
Citation: Melro, F. (2014).Estudo da Qualidade de Vida, do Padrão Imunológico e do Padrão Nutricional em Idosos Ativos e Sedentários da Cidade do Funchal. Dissertação de mestrado, Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física da Universidade de Coimbra, Coimbra, Portugal.
Abstract: O objetivo do presente estudo é analisar os efeitos de um programa de exercício físico sobre marcadores metabólicos e psicológicos em idosos ativos e sedentários. Métodos: 65 idosos entre os 65 e 75 anos de idade divididos em dois grupos. Grupo de intervenção (N= 38) e o grupo de controlo (N= 27). No grupo de intervenção foi aplicado um programa de exercício (hidroginásticas duas vezes por semana e aulas de grupo duas vezes por semana onde trabalham a força, a resistência e a flexibilidade. Em dois momentos foram aplicados questionários WHOQOL – BREF e o WHOQOL – OLD, para se estudar os marcadores psicológico e fizeram-se análises de sangue e medições antropométricas para se estudar os marcadores biológicos. Resultados: Os resultados apresentam um decréscimo significativo da circunferência da cintura e do rácio cintura/altura no grupo que fez atividade física em comparação ao grupo de controlo, em todo o período de observação. Não foram observadas diferenças significativas no que respeita à massa corporal e IMC. Registaram-se valores mais altos do colesterol HDL e da glicose em resposta ao exercício. Não foram observadas alterações nos outros indicadores metabólicos. Nos questionários WHOQOL- BREF, observou-se uma diminuição significativa na dimensão psicológica em todos os participantes do estudo (grupo de intervenção e grupo de controlo) e nos questionários WHOQOL-OLD observou-se que as respostas para a dimensão “Intimidade “ e score total foi significativamente maior no grupo de controlo em comparação com o grupo de intervenção. Conclusão: O programa de exercício mostrou benefícios significativos nos idosos que praticam atividade física em relação aos marcadores metabólicos mas não em relação aos marcadores psicológicos. Futuramente ter-se-á que ter em conta outros fatores para a avaliação da qualidade de vida dos idosos. Aim: The aim of this study was to examine the effects of an exercise program on specific metabolic and psychological markers in active and sedentary elderly participants. Methods: The current study included 65 participants aged 65-75 years. They were later categorised in different groups: a controlled group study or control group (N=27) and a group of participants assigned to an intervention or intervention group (N=38). Those in the intervention group received exercise prescription, i.e., hydro-gymnastics lessons and group activities twice a week. Strength, resistance and flexibility training was therefore assessed. The WHOQOL – BREF and WHOQOL – OLD questionnaires were also used at different stages to assess psychological markers, while blood tests and anthropometric measurements were obtained to determine biological markers. Results: Evidence suggests significant reductions in waist circumference and waist-to-height ratio in the intervention group compared to the control group. No significant differences were found between body mass and BMI levels. HDL cholesterol and glucose levels have increased in response to physical exercise. No other metabolic alterations were observed. There was an overall reduction in the psychological domain scores of the WHOQOL-BREF questionnaire (in both intervention and control group). Overall WHOQOL-OLD score and subscale Intimacy scores were significantly higher in the control group. Conclusion: Physical activity makes a positive contribution to the overall metabolic markers for older adults exercising regularly, but not to the psychological markers. Future research must consider other factors that have special importance in assessing the global quality of life of these adults.
Description: Dissertação de mestrado em Exercício e Saúde em Populações Especiais, apresentada à Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/28657
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCDEF - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
TESE - Filipa Melro 2014-10-01 fcdef (1).pdf1.34 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

232
checked on Oct 13, 2021

Download(s) 50

317
checked on Oct 13, 2021

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.