Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/23246
Title: Resultados das intervenções do enfermeiro de reabilitação na pessoa internada no serviço de medicina interna dos hospitais da Universidade de Coimbra
Authors: Januário, José Carlos 
Orientador: Ferreira, Pedro Lopes
Amaral, António Fernando
Keywords: Enfermagem; Reabilitação; Cuidados de enfermagem; Cuidados de enfermagem -- resultados; Enfermeiro de reabilitação
Issue Date: 15-Mar-2013
Citation: Januario, José Carlos - Resultados das intervenções do enfermeiro de reabilitação na pessoa internada no serviço de medicina interna dos hospitais da Universidade de Coimbra. Coimbra : [s.n.], 2013. Dissertação de mestrado
Abstract: Introdução: O contexto e a realidade em que se desenvolve a intervenção dos enfermeiros de reabilitação fazem com que estes profissionais tenham a qualidade de vida das pessoas como questão central à sua atividade. Capacitar as pessoas para a gestão da sua saúde e dos sintomas, na presença de doença crónica é um dos desígnios dos profissionais de enfermagem. Os enfermeiros de reabilitação trabalham com os utentes para atingir o nível máximo de independência funcional e na realização das atividades de vida diária, promovendo o autocuidado, reforçando comportamentos de adaptação positiva (Hoeman,2000). Objetivo: analisar os resultados das intervenções do enfermeiro de reabilitação no serviço de medicina. Material e Métodos: A opção por uma investigação quantitativa, descritivo correlacional, com medições repetidas; surgenos como a mais adequada para a compreensão da problemática. Optamos por descrever quatro casos de doentes, esta metodologia permite-nos ter uma visão mais esclarecedora da população em estudo. Escolhemos como instrumento de recolha de dados o InterRAI® – Cuidados Agudos e a análise dos registos de enfermagem de reabilitação no serviço. Critérios de seleção: necessitar da intervenção do enfermeiro de reabilitação durante o período Abril a Julho de 2012. Resultados: A amostra de 46 indivíduos, permite-nos constatar que a hospitalização promove alterações no estado de saúde destes, no momento da admissão há alterações negativas significativas, relativamente ao momento que antecede o evento que levou à hospitalização, no momento da alta há alterações positivas relativamente à admissão, no entanto há perdas relativamente à préadmissão. Das dimensões avaliadas, na dispneia houve diferença significativa entre os 3 momentos com média mais elevada no momento 2 (2,61), no entanto verificamos haver ganhos globais, na pré-admissão valores de média de 1,79 e no momento da alta valores de média de 1,60. Nos estudos de caso apresentados a preocupação com a mobilidade das pessoas é transversal, os exercícios de ADM são frequentemente utilizados pelos enfermeiros de reabilitação para melhorar a mobilidade ou prevenir os efeitos deletérios da imobilidade. Conclusões: A intervenção dos enfermeiros de reabilitação centra-se no autocuidado e na respiração, há evolução positiva nas capacidades de autocuidado e expetorar dos doentes, no entanto registamos perdas de capacidade em relação às suas capacidades de autocuidado na pré-admissão, evidencia ganhos na redução da sensação de dispneia, relativamente à pré-admissão.
Description: Dissertação de mestrado em Gestão e Economia da Saúde, apresentada à Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, sob a orientação de Pedro Lopes Ferreira e António Fernando Amaral.
URI: http://hdl.handle.net/10316/23246
Rights: openAccess
Appears in Collections:FEUC- Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
José Carlos Januário_Dissertação _[MGES]-[2013].pdf1.19 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 10

702
checked on Nov 19, 2019

Download(s) 5

2,037
checked on Nov 19, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.