Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/2079
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorFreitas, Helena Maria de Oliveira-
dc.date.accessioned2008-12-04T13:30:12Z-
dc.date.available2008-12-04T13:30:12Z-
dc.date.issued1993-06-15en_US
dc.identifier.citationFREITAS, Helena - Importância ecológica dos tricomas vesiculares em algumas espécies de Atriplex. Coimbra, 1993. 219 p.-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10316/2079-
dc.descriptionTese de doutoramento em Ciências (Taxonomia e Ecologia Vegetais) apresentada à Fac. de Ciências e Tecnologia da Univ. de Coimbra-
dc.description.abstractRealizaram-se estudos ecofisiológicos em algumas espécies do género Atriplex, tendo-se dado especial ênfase ao papel dos tricomas vesiculares no equilíbrio iónico de plantas em diferentes condições salinas. Para tal, investigou-se a distribuição dos iões sódio, potássio, nitrato e cloreto nas folhas, caule, raiz e tricomas vesiculares de plantas espontâneas e de plântulas e plantas adultas submetidas a diferentes concentrações de cloreto de sódio e nitrato de sódio. Os resultados obtidos neste estudo, indicam, claramente, que os tricomas vesiculares são muito importantes para o equilíbrio iónico das plantas estudadas. A concentração de iões nos tricomas foi sempre maior do que no mesófilo das folhas correspondentes, tendo sido maior em folhas jovens, comparativamente às folhas completamente expandidas. A acumulação de iões nos tricomas foi mais elevada nas plântulas do que nas plantas adultas. Os iões sódio e cloreto foram os iões mais acumulados pelos tricomas. O transporte dos iões salinos do mesófilo para os tricomas, faz-se de um modo muito selectivo desde uma fase prematura de formação dos tricomas, constituíndo a célula basal, devido à cutinização das suas paredes laterais (anticlinais), uma importante barreira selectiva para o transporte via apoplasto. Além desta cutinização, observámos uma incrustação das paredes horizontais (periclinais) da célula basal dos tricomas mais adultos. Esta incrustação de cutina acaba por impedir o transporte de iões para o tricoma via apoplasto. Com as paredes verticais e horizontais da célula basal cutinizadas há isolamento do tricoma, ruptura e colapso da célula vesicular.en_US
dc.language.isoporpor
dc.rightsembargoedAccesseng
dc.subjectTaxonomia e Ecologia Vegetaisen_US
dc.titleImportância ecológica dos tricomas vesiculares em algumas espécies de Atriplexen_US
dc.typedoctoralThesisen_US
item.fulltextSem Texto completo-
item.languageiso639-1pt-
item.grantfulltextnone-
Appears in Collections:FCTUC Ciências da Vida - Teses de Doutoramento
Show simple item record

Page view(s)

139
checked on Jun 2, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.