Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/14285
Title: Vulnerabilidade e risco face à erosão costeira entre Aguda-Paramos : duas metodologias de análise
Authors: Basto, Cacilda da Mota Freitas Pinto 
Orientador: Almeida, António Campar de
Pedrosa, António de Sousa
Keywords: Erosão costeira; Factores de risco; Vulnerabilidade; Aguda-Paramos
Issue Date: 2009
Serial title, monograph or event: Vulnerabilidade e risco face à erosão costeira entre Aguda-Paramos : duas metodologias de análise
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: Desde a década de 80, as questões relacionadas com a vulnerabilidade e o risco das áreas costeiras perante a intensificação do ritmo de recuo da linha de costa têm sido amplamente discutidas a nível mundial e nacional. Em Portugal e no mundo tem-se assistido ao desenvolvimento e aplicação de técnicas e métodos que permitam a obtenção de dados cada vez mais precisos sobre a evolução do sistema natural e do sistema antrópico, permitindo um ordenamento do território com maior sustentabilidade. No presente trabalho propõe-se a aplicação de duas propostas metodológicas, para analisar a vulnerabilidade e uma proposta de análise do risco, adaptadas aos dados disponíveis e à especificidade na faixa costeira situada entre Aguda (concelho de Vila Nova de Gaia) e Paramos (concelho de Espinho). Nestas propostas foram utilizadas as seguintes variáveis: altimetria, geomorfologia, variação da posição histórica da linha de costa (m/ano), condições de artificialização da linha de costa, tipo de ocupação do solo, número de habitantes, distância do edificado, tipo de estruturas rodoviárias e caminho-de-ferro, retracção da linha de costa em 50 anos e 100 anos e valor da superfície de terreno segundo o IMI. As variáveis resultaram da análise e vectorização da informação retirada através de cartas militares topográficas dos anos de 1970, 1993 e 1998, de fotografias aéreas de 1965 e 1967, de ortofotomapas de 1988, 2003 e 2005 e de levantamentos CAD e de terreno. O tratamento das variáveis e a avaliação da vulnerabilidade e do risco foram realizados com o Sistema de Informação Geográfica (SIG). A análise da vulnerabilidade e do risco partiu da aplicação dos índices aos segmentos costeiros em estudo, na qual se verificou que o sector I apresenta níveis moderados e elevados da vulnerabilidade e um risco moderado perante o recuo da linha de costa. No sector II toda a linha de costa apresenta níveis de vulnerabilidade e de risco elevados a muito.
Since the eighties the problems related to the vulnerability and the risk of coastal areas, having to do with the increasing retreat movement of coastline, have been largely discussed worldwide as well as in our country. In Portugal and all over the world we have seen the development and application of techniques and methods allowing the acquisition of more and more precise data about the evolution of the natural system and the anthropic system, leading to a more sustainable territory management. At the present work we propose the use of two methodological approaches to analyze the vulnerability and one methodology to analyze the risk, adapted to the available data and the specificity of the coastline situated between Aguda (Vila Nova de Gaia municipality) and Paramos (Espinho municipality). In what concerns these proposals were used the following variables: altimetry, geomorphology, historical variation of coastline (m/year), ways of turning it artificial, type of soil occupation, number of inhabitants, distance from the buildings, type of road and railway structures, backward movement of coastline within fifty and one hundred years and ground value according to IMI (soil monetary value for the financial system in Portugal). The variables were a result of the analysis and vectorization of the information taken from topographical military maps from 1970, 1993 and 1998, from aerial photos from 1965 and 1967, from ortophotomaps from 1988, 2003 and 2005 and from CAD surveys. The treatment of these variables and the vulnerability and risk evaluation were made through the Geographic Information System (SIG). The vulnerability and risk analysis set out from the application of the given indices to the coastal areas, in which we verified that the sector I presents moderate and high levels of the vulnerability and a moderate risk to the coastline retreat. In the sector II all coastline presents levels of high and very vulnerability and risk.
Description: Dissertação de mestrado em Geografia (Geografia Física, Ambiente e Ordenamento do Território), apresentada à Fac. de Letras da Univ. de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/14285
Rights: openAccess
Appears in Collections:FLUC Geografia - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Vulnerabilidade e risco face à erosão costeira entre Aguda-Paramos.pdf25.49 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

315
checked on Jan 30, 2020

Download(s) 20

707
checked on Jan 30, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.