Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/12400
Title: Do Digital ao Inteligente: Os Territórios do Conhecimento como Estratégias de Desenvolvimento e/ou de Marketing Territorial
Authors: Fernandes, Ricardo Jorge Lopes 
Fernandes, Rui Jorge Gama 
Keywords: Territórios do conhecimento; Territórios inteligentes; Marketing territorial
Issue Date: 2006
Publisher: Centro de Estudos Geográficos (FLUC)
Keywords: Territórios do conhecimento; Territórios inteligentes; Marketing territorial
Issue Date: 2006
Publisher: Centro de Estudos Geográficos (FLUC)
Citation: FERNANDES, Ricardo e GAMA, Rui (2006) Do Digital ao Inteligente: Os Territórios do Conhecimento como Estratégias de Desenvolvimento e/ou de Marketing Territorial. Cadernos de Geografia nº24/25 (2005/2006), CEG, Coimbra.
Series/Report no.: Cadernos de Geografia
Nº24/25
Abstract: No contexto da nova economia e das novas tecnologias de informação e comunicação temos assistido, nos últimos anos, a um crescimento assinalável da pertinência das questões da gestão sustentável dos territórios nas suas diferentes dimensões. A cidade, considerando estas transformações (económicas, sociais, políticas e tecnológicas), renasce no quadro de um crescente colapso das barreiras espaciais, contribuindo para o aparecimento de um novo paradigma de desenvolvimento relacionado directamente com o incremento dos factores territoriais, essenciais no novo contexto de competitividade entre os territórios. Neste sentido, implementam-se novas formas de pensar a cidade com a integração das dimensões digital e inteligente e uma coabitação entre o espaço físico e o espaço virtual. Assim, o digital terá que ser encarado como suporte para o desenvolvimento de territórios inteligentes, vistos, por um lado, como “albergues” de conhecimento, desenvolvimento tecnológico, processos de aprendizagem e educação, transferência de tecnologia, procedimentos de inovação e meios inovadores e, por outro, como plataformas digitais de processamento, transferência e difusão de informação e conhecimento. Contudo, não devemos negar que, na actualidade, algumas das cidades utilizam estas estratégias para mera valorização da sua imagem e segundo uma “moda” que é imposta, sendo central uma discussão conceptual assente numa aproximação metodológica às novas formas de marketing territorial associadas à cidade do conhecimento e à sua necessidade de auto-promoção e valorização. A cidade inteligente, na sua relação com o marketing territorial estratégico e com o desenvolvimento territorial poderá ser a desejada base de cooperação e coordenação estratégica para a estruturação e prossecução do desenvolvimento sustentado e integrado dos territórios.
Description: Cadernos de Geografia nº24/25 (2005/2006)
URI: http://hdl.handle.net/10316/12400
Rights: openAccess
Appears in Collections:FLUC Geografia - Vários

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Fernandes&Gama_CadGeo_2006.pdf518.26 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

387
checked on Aug 21, 2019

Download(s) 50

245
checked on Aug 21, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.